1 de dezembro de 2013

Minha separação

Hoje estou iniciando um novo quadro aqui no blog que se chama: Só entre nós.
Onde estarei batendo um papo com vocês sobre alguns assuntos que surgirem no decorrer dos dias.
Não sou a pessoa mais indicada a dar conselhos para ninguém, porque assim como você que esta lendo esse post, também tenho minhas dúvidas e inseguranças na vida. Nos últimos dias tenho sentido essa necessidade de trocar experiências de vida com vocês.
Irei deixar minha opinião sobre um determinado assunto aqui em post e você pode deixar sua opinião nos comentários, no facebook (in box se preferir), ou mensagem de celular, todos os meus contatos estão aqui na página nos botões acima da postagem, sinta-se a vontade para participar.


MINHA SEPARAÇÃO   
Depois de dez anos de "casada" eu me separei, a maneira como a separação aconteceu foi muito triste, apesar de não haver sentimento de amor entre nós eu esperava uma atitude diferente.
Durante esses dez anos de convivência juntos tudo era muito difícil, tínhamos sonhos e atitudes sempre de desencontros.
Eu tinha um pensamento mais voltado para a família e ele uma atitude de uma pessoa solteira, no sentido de fazer coisas para si próprio.
Quando ele decidiu que não dava mais para convivermos juntos passou quatro dias sem falar comigo, isso morando na mesma casa, se vendo todos os dias. É insuportável essa sensação de se tornar uma pessoa invisível.
Era Domingo de manhã, ele saiu sem falar nada, quando voltou por volta das 20:00 hrs pegou suas coisas em exatos 10 minutos e saiu sem dar a menor satisfação.
Cada lágrima que escorria do rosto do meu filho era uma facada no meu coração.


Eu o conhecia muito bem e sabia o que esperar dele, na hora só sentia raiva, não consegui nem chorar naqueles intermináveis 10 minutos.
Só que por mais que a gente pense que conhece uma pessoa, a gente pode se surpreender um dia.
Pensei que tudo isso tivesse sido um castigo suficiente na minha vida, mas o pior ainda estava por vir.
Ele teve uma atitude que me fez decepcionar ainda mais, isso prefiro nem contar aqui neste post, acho o que falei já é me expor até demais.
Só estou contando isso para que não se sinta a única pessoa a passar por isso, caso seja o seu caso.
Ou que se um dia pense em se casar, não tenha a ilusão de que irá conseguir mudar as atitudes que você julga errada na pessoa, os defeitos e o comportamento da pessoa que você ama.
Aceite a pessoa como ela é com seus defeitos e qualidades.
E acima de tudo se ame, faça coisas para você. Muitas mulheres quando se casam passam a viver a vida do marido, passa a fazer tudo em benefício dele e esquece que tem vida própria, esquece de se cuidar em todos os sentidos, saúde, vida profissional ...
Nem fazer um passeio sem a presença do marido, a mulher não sente vontade de fazer.
Já o homem nem pensa duas vezes para sair sozinho e quando volta pra casa a mulher está super triste e ele feliz como se nada tivesse acontecido.
É isso que quero deixar de mensagem para você:
Por mais que doa, por mais que se sinta fracassada por não ter dado certo seu casamento, tire isso da sua cabeça.
Não deu certo, só isso !
Ninguém tem culpa, a vida vai continuar e você mais cedo ou mais tarde vai ter que seguir em frente, então que seja agora a hora de você recomeçar.
E o principal se ame, faça coisas por você !
Eu já superei o que aconteceu a prova disso é hoje eu estar aqui contando isso pra você, o tempo (seis meses no meu caso), ajuda muito e procurar fazer coisas que gosta, no meu caso apesar de ter tido uma necessidade de me afastar do blog por dois meses, é uma coisa que amo e que sempre me ajuda a me fazer sentir feliz.
Ainda acredito no amor e acho que o casamento não é uma coisa tão ruim quanto os homens acham, o difícil é encontrar uma pessoa que tenha os mesmos objetivos que o seu.
Abaixo deixarei uma frase de reflexão, desculpe não saber o autor, quem souber me avise que acrescento.

"As vezes você tem que morrer por dentro para levantar-se das suas próprias cinzas e acreditar em si mesmo e amar a si mesmo para se tornar uma nova pessoa". 

Um beijo enorme em todos os meus leitores e até breve !
        
            



4 comentários:

  1. Olá Paula,

    legal esse novo tópico do blog, eu, particularmente, adoro ler sobre experiências reais das pessoas, principalmente porque não nos sentimos tão de outro mundo.
    Sinto muito por todo ocorrido, ainda mais que tens um filho, imagino que a separação deva ser bem mais dolorosa. Recentemente passei por algo parecido, em termo, já que que dei o ultimato e pedi para que meu ex saísse de casa. Não aguentava mais.
    O pior é que depois, mesmo a gente sabendo que foi o melhor, já que a relação era insuportável, fica um vazio enorme. Foram muitos anos de casada, mas também muitas decepções. É onde me foco para não voltar atrás na minha decisão.
    Eu sei bem que é complicado mudar de vida assim, dou graças a Deus por nunca ter tido uma criança (nunca quis mesmo) pois sei que seria mais dificil.
    O que eu posso dizer é que tudo é uma questão de tempo, depois até as decepções passam e nos sentimos livres, afinal, viver com alguem sem amor não dá né, é pedir pra sofrer.

    abraços

    http://minhacabecablog.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  2. Obrigada Marcela por dividir comigo o que passou, é exatamente como me sinto, apesar de não querer ter visto meu filho passar por isso, o amor que sinto por ele me fortalece, ter que recomeçar sozinha iria me doer ainda mais. Também acredito que o tempo ajuda curar. Beijos <3

    ResponderExcluir
  3. Nossa e tão triste saber que existe pessoas assim ainda , acho que como não partiu só o coração de voce e seu filho ate o meu , acho que tudo na vida tem um porque , se ele se afastou foi o melhor para voce . Cabeça erguida sorriso no rosto e nada de chorar ou ficar triste lembre só dos momentos bons e lembre do seu filho coloque ele sempre em primeiro lugar , ele vai precisar de voce mais do que tudo .

    Não adiata falar que o tempo cura tudo , pq não avale a pena esperar o tempo passar para continuar de cabeça erguida . Mil beijos Paula não sei se meu comentario foi satisfatorio já que sou nova e mas já vi minha passar por isso e hoje ela e uma mulher super feliz .

    http://blognao-permito.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  4. Obrigada Manuely, no momento que as coisas ruins acontecem e percebemos que não a o que fazer as vezes é melhor esperar, hoje que já se passou seis meses me sinto pronta para recomeçar. Sua opinião é muito importante pra mim, sempre que quiser dividir sua experiencia de vida comigo, sinta-se a vontade. Beijo querida e mais uma vez obrigada !

    ResponderExcluir

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...